VIAGEM | 17Jun2007 22:10:00

Publicado por:





A ESTIBORDO!
ARRUMARAM-SE VELAS DE LINHO,
E NOS LIMBOS CORAÇÕES A PAZ.
BRINDARAM-SE EM TAÇAS DE VINHO,
O FINDAR DAS COISAS DO CAMINHO,
DO OUTRORA FICADO P´RA TRÁS.

Á RÉ!
LEMES QUEBRADOS PELO INVENTO,
DAS TEMPESTADES DE DESILUSÃO,
RUGIAM Á DIREITA, FUGIAM AO VENTO,
TORNADO VIVO EM FURACÃO.

BOMBORDO! Á PROA.
ENSANGUENTADAS VEIAS E BRAÇOS...
E NA TESTA BRINCAVAM SUORES,
DAS LIDAS FAINAS E EMBARAÇOS,
PROCURANDO DIAS MELHORES.

TERRA Á VISTA!
MENSAGENS VOARAM EM POMBAS,
P´RA DESTRUIÇÃO DE ARMADAS VIAGENS;
REGISTARAM-SE DESTRUIÇÕES EM BOMBAS,
NOS DITOS MALDITOS DE MENSAGENS




Viagem, conquista, guerra ...

Partilhar:

Artigos Relacionados

Para poder comentar necessita de iniciar sessào.

Painel controlo
  • Email:
  • Palavra-passe:
  • Lembrar dados
  • Ir administraçào


Da poesia
Poetas-2
Últimas Galeria
©2017, BlogTok.com | Plataforma xSite. Tecnologia Nacional